Festa do reencontro com direito a abraço dos adversários politicos Tulio e Mário Sergio


Do blog Wallace Atlas
A Praça da Conceição viveu na noite de ontem, sábado (07) mais uma festa do Reencontro dos Macauenses, que este ano chegou a sua 13º edição, atraindo um grande público, quiçá o maior dos últimos anos, segundo o organizador do evento, Fernando Lopes, que agradeceu ao total apoio da Prefeitura de Macau. No palco, bandas da terra se revezavam animando, inclusive os músicos da Filarmônica Monsenhor Honório, que acompanhava o cantor Marquinhos Show, abrilhantando ainda mais a noite.
A classe política também se fez presente ao evento; oposição e situação, como em anos anteriores, mas com um detalhe que chamou atenção; pela primeira vez na realização do evento, a locução oficial anunciava a presença de todos. No microfone, o locutor Leão registrava a presença do ex-prefeito Zé Antônio Menezes, que disputou o último pleito contra o atual prefeito Túlio Lemos e de outras figuras que fazem parte do bloco oposicionista em Macau. Em anos anteriores, quem era de oposição simplesmente era ignorado em eventos públicos. As famílias que vieram de outras cidades também foram citadas é homenageados.
Um registro do encontro durante o evento entre o empresário Mário Sérgio e o prefeito Tulio Lemos, que não são inimigos pessoais e sim adversários políticos, mostrou que a política se faz respeitando as opiniões de cada um, e suas divergências devem ficar no âmbito político.
A Festa do Reencontro foi marcada pela alegria, democracia, respeito e paz. Assim que deve ser sempre.

Mário e Tulio, adversários políticos, inimigos jamais!

Nenhum comentário

Publicidade