Oposição na Câmara quer afastar Tulio sem motivo e fecha os olhos para atos de corrupção de vereadores oposicionistas

Portal MACAUENSE  - Sem justificativas plausíveis e de forma irregular, a Câmara Municipal de Macau aceitou, por maioria simples (6 x 5), apenas por questões politicas, denúncias registrada pelo vereador Cláudio Gia (PT), em sessão realizada nesta terça-feira. Ainda que elas fossem fundamentadas, a Mesa Diretora só podia receber as denúncias, de conformidade com o Regimento Interno, com o acolhimento de 2/3 dos vereadores presentes à sessão.

Para o prefeito Tulio Lemos, que se mostrou tranquilo com a decisão da maioria simples do plenario, "o que me revolta é que a oposição está querendo gerar um fato novo. Isso que ocorreu hoje já vinha sendo projetado desde o ano passado, quando da eleição irregular da nova Mesa Diretora. Alguns vereadores da oposição querem a qualquer custo impregnar a mim a pecha de praticante de irregularidades, apesar de a nossa administração nada ter de irregular". 

Enquanto  a oposição tenta gerar tumulto com denúncias vazias contra a administração municipal,  a direção da Casa não  tomou qualquer iniciativa contra o vereador Ítalo Mendonça que está denunciado no Ministério Público por conta de falcatruas cometidas contra o poder público, nem agiu contra  o vereador Emanuel Kekel, acusado de vender emprego no legislativo e nem muito menos apurou denúncias contra o vereador Cláudio Gia por manter funcionário fantasma em seu gabinete.

O prefeito Tulio Lemos diz que "Nao temos nada a temer. O ato da Câmara é uma afronta à legislação e a nós cabe a obrigação de buscarmos abrigo na justiça".
 Email do blog [email protected] tel 9 9873 9639
 

   Lojão Fortaleza , temos confecções e calçados para homens mulheres e crianças, além de artigos de cama mesa e banho, peças apartir de 10,00 reais
aguardamos sua visita, rua Martins Ferreira, centro Macau, vizinho a camara municipal

Nenhum comentário