Guamaré: Irregularidades citadas em documento do TCE/RN dão lastro à apuração do MPRN


Imagem: Reprodução
Responsável pela 2ª Promotoria de Justiça da comarca de Macau, a promotora pública Tiffany Mourão Cavalari de Lima resolveu instaurar um Inquérito Civil para investigar as irregularidades apontadas no Processo nº 12.385/2015, do Tribunal de Contas do Estado do RN (TCE/RN), através do Acórdão nº 252/2017, perpetuadas pelo presidente da Câmara de Guamaré (foto), relacionadas à inadequação do quadro funcional da Câmara Municipal da referida cidade.

A fiscal da lei justificou sua atitude, concretizada pela Portaria nº 2019/0000073350, veiculada neste sábado (02) através do Diário Oficial do Estado, frisando que ela possui fundamentação na Lei nº 8.429/92 e na Constituição Federal de 1988.
Com o intuito de avançar na referida averiguação, a representante do Ministério Público do RN (MPRN) solicitou à presidência do TCE/RN, por intermédio da Procuradoria-Geral de Justiça do RN (PGJ/RN), a certidão do trânsito em julgado do acórdão encaminhado




O  Lojão Fortaleza , temos confecções e calçados para homens mulheres e crianças, além de artigos de cama mesa e banho, peças apartir de 10,00 reais
aguardamos sua visita, rua Martins Ferreira, centro Macau, vizinho a camara municipal

Nenhum comentário