Prisão: Ação do MPRN e MPDFT prende ex-secretário do estado do RN em Brasília

Publicidade

Prisão: Ação do MPRN e MPDFT prende ex-secretário do estado do RN em Brasília


Imagem: Reprodução
Uma ação conjunta do Ministério Público do RN (MPRN) e do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) prendeu em Brasília o ex-chefe de Gabinete da Governadoria do Estado Aristides Siqueira Neto (foto).
Ele é condenado a sete anos, nove meses e 10 dias de reclusão pelo crime de peculato, adianta informação publicada por meio da página eletrônica do MPRN.
Aristides Siqueira foi auxiliar de Fernando Antônio da Câmara Freire quando ele foi vice-governador e governador.
Aristides Siqueira Neto era considerado foragido e foi localizado após uma denúncia dando conta do paradeiro dele.
As informações foram checadas e o MPDFT cumpriu o mandado de prisão na terça-feira (04) com o apoio da Polícia Civil do DF.
Em abril de 2014, Freire e Siqueira foram condenados seis anos e seis meses de reclusão pelo crime de peculato (subtração ou desvio de dinheiro público).
O MPRN apelou da decisão e em 2016 a Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do RN (TJRN) determinou a ampliação da pena dos dois para sete anos, nove meses e 10 dias de prisão.
O esquema fraudulento praticado por eles ficou conhecido como a Máfia dos Gafanhotos.
Fernando Freire, Aristides Siqueira e outros envolvidos foram condenados por crimes de peculato porque realizaram o desvio de dinheiro público para a concessão fraudulenta de gratificações por meio do pagamento de cheques salário.
No caso investigado pelo MPRN, Aristides Siqueira atuava como indicador dos beneficiários e como sendo um deles.
A movimentação bancária de Aristides em 2002 aponta um elevado número de depósitos recebidos, sempre por meio de cheques ou de dinheiro em espécie.
 
 


PUBLICIDADE
Armarinho Macau,lojas 1 e 2 tudo em um só lugar, artigos de cama mesa e banho, confecções em geral, bolsas, calçados, eletro eletrônico e muito mais, rua professor Coimbra em frente ao mercado público de Macau, empresa do grupo Elísio Filho e Jane Maria

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Nenhum comentário

Publicidade