PCC planeja atacar fóruns de todo o país em busca de armas, afirma polícia

Publicidade

PCC planeja atacar fóruns de todo o país em busca de armas, afirma polícia

SÃO PAULO, SP, 22.05.2017: ARMAS-ENTREGA - Armas expostas na cerimônia de entrega de 37 fuzis para as polícias Civil e Militar em São Paulo. As armas são frutos de apreensões e estavam vinculadas a processos, sob custódia do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP). A medida segue o decreto nº 8.938, de 12/12/2016, que regulamenta a lei nº 10.826, de 20/12/2016, sobre entrega de armas apreendidas. (Foto: Suamy Beydoun/Agif/Folhapress)
Com base em interceptações telefônicas, a Polícia Civil de São Paulo suspeita que integrantes da facção criminosa PCC estejam planejando uma série de ataques a fóruns do país em busca de armas guardadas pela Justiça.
Nas conversas monitoradas, os criminosos falam de ordem dada por chefões do crime para a realização de levantamento de fóruns em todo o território nacional que possam ter estoques de “ferramentas”, maneira como os criminosos chamam as armas.
Tal orientação, segundo o relatório da polícia obtido pela reportagem, teria partido de Presidente Venceslau (interior de São Paulo) onde está presa a cúpula da facção, incluindo Marco Camacho, o Marcola, apontado pela polícia e pela Promotoria como o principal chefe do grupo.
A orientação dada aos subalternos é para que eles levantem informações sobre prédio e endereço e, em seguida, enviem fotos desses locais para auxiliá-los em futuras ações. “Tais informações irão subsidiar ações da facção que visam o roubo das armas em depósitos do Poder Judiciário em todo o Brasil”, diz trecho de documento. 
 Rogério Pagnan – Folha de São Paulo



 

Nenhum comentário

Publicidade