Começam matrículas para novos alunos da rede estadual de ensino do RN


Começaram nesta segunda-feira (22) e vão até o dia 9 de fevereiro as matrículas para novos alunos da redes estadual de ensino do Rio Grande do Norte. O Governo havia anunciado que o processo iniciaria na quarta-feira (24), porém antecipou.
No mês de janeiro as escolas da rede estadual de educação do Rio Grande do Norte estiveram abertas para dar continuidade ao calendário de matrículas 2018. Para este ano, a Secretaria de Educação do ofertou 305 mil vagas em todos as etapas das matrículas, que envolvem transferências, renovação de veteranos e novos estudantes.
O resultado das vagas concedidas e efetivação das solicitações de transferências foi publicado no SIGEduc na quinta-feira (18) e o responsável terá até quarta-feira (24) mês para levar toda documentação do aluno e efetivar a vaga.
De acordo com a Secretaria, as 610 escolas da rede estadual realizaram, até a terça-feira passada, dia 16, a renovação dos alunos veteranos. Este processo é realizado pela própria escola por meio do Sistema Integrado da Gestão da Educação (SIGEduc). Mais de 62 mil alunos já tiveram sua vaga renovada. “Todo o processo está ocorrendo de maneira tranquila, como foi vista nos anos anteriores”, afirma Ana Paula Flor, coordenadora da Central de Matrículas.

Novos Estudantes

Para os estudantes que desejarem cursar o ensino médio em tempo integral, as matrículas da rede estadual serão realizadas via SIGEduc, até a quinta-feira (25). A divulgação do resultado destas vagas será realizada no dia 29. Uma vez confirmada a vaga, os pais deverão comparecer na escola para finalizar a matrícula em um prazo de três dias úteis.

Atendimento

Pais, escolas e os próprios estudantes que desejem tirar dúvidas sobre as matrículas podem comparecer na sede da Secretaria de Educação do RN, localizada no Centro Administrativo do Estado, para utilizarem os serviços da Central de Matrículas. Aberta de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, a central atende todos os casos ligados as matrículas. No interior do estado, os interessados podem buscar informações na sede das diretorias regionais de ensino. 


 


Nenhum comentário