ONDE FORAM PARAR OS 71 PRESOS "DESAPARECIDOS" EM ALCAÇUZ



Presos são vistos durante o confronto em Alcaçuz (Foto: Andressa Anholete/AFP)
Peritos do Mecanismo Nacional de Prevenção e Combate à Tortura, da Secretaria de Direitos Humanos, constataram que o governo do Estado do Rio Grande do Norte não conhece o paradeiro de 71 detentos que cumpriam pena na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, durante a rebelião no mês de janeiro. 
Na prática, a administração estadual não soube informar se os detentos fugiram, foram transferidos ou morreram no local
Oficialmente, 26 presidiários morreram durante os 14 dias de motim no local. Agora, há a suspeita de que o número de vítimas pode ser maior.
As informações constam em um relatório produzido pelo Mecanismo durante visita à unidade situada na Grande Natal entre os dias 6 e 10 de março. Dados oficiais publicados pela Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania (Sejuc) relativos à chacina nas unidades prisionais em janeiro passado, contabilizaram 26 mortos.
 
 


 Drogaria Timoneiros, compromisso com a sua saúde, por trás do ginásio de esportes e agora com sua filial no CCAB em Macau, onde funcionou o aliment,s Rstaurante, Fones 3521 2300 ou 99965-0048

 

Nenhum comentário

Publicidade

Publicidade