Estudo mostra que 92% de policiais mortos no RN estavam fora da hora de expediente




Ao todo, apenas cinco policiais foram mortos durante o expediente de trabalho

O Observatório da Violência Letal Intencional do Rio Grande do Norte (Obvio) divulgou o resultado de uma apuração sobre as mortes de policiais e agentes de segurança no tocante ao período entre 2012 e 2017: 92% deles foram assassinados enquanto não estavam em período de trabalho.
Ao todo, neste período, foram mortos 65 policiais no estado potiguar, sendo, destes, 47 policiais militares (72,3% das vítimas); oito policiais civis foram mortos em expediente (12,3%), enquanto que guardas civis e agentes penitenciários contabilizaram cinco mortes cada (7,7%).
Em 49% dos casos (32 agentes), os policiais acabaram mortos ao reagirem contra alguma ação violenta; em 43% das ocorrências (28 agentes), eles foram assassinados fora do expediente na corporação, mas durante atuação como seguranças. De todos os casos registrados, apenas cinco policiais morreram enquanto atuavam em expediente.  
Agora RN

                                                   

 O  LojãoFortaleza  agora está em novo endereço, temos confecções e calçados para homens mulheres e crianças, além de artigos de cama mesa e banho, peças apartir de 10,00 reais
aguardamos sua visita, rua Martins Ferreira, centro Macau, vizinho a camara

Nenhum comentário

Publicidade