Homem morto durante assalto quando saia para o trabalho em Mossoró

Publicidade

Homem morto durante assalto quando saia para o trabalho em Mossoró



O Centro Integrado de Operações e Segurança Pública (CIOSP),registrou um crime de latrocínio (roubo seguido de morte),no início da manhã desta sexta feira 22 de janeiro de 2016,na cidade de Mossoró no Rio Grande do Norte.De acordo com as primeiras informações a vítima identificado como Antônio Augusto Neto Funcionário da empresa Cervicaf que presta serviços ao Banco do Brasil estava saindo de sua residência quando dois indivíduos anunciaram o assalto. Possivelmente ele não quis entregar sua moto e acabou morto. Os marginais levaram o veículo. A Polícia Militar se encontra isolando o local de crime aguardando a chegada do Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP).
Passando na Hora



                                     Restaurante Nova Opção 

   

 Comida caseira da melhor qualidade com um cardápio variado, self service, carne e frango na brasa, bom atendimento. aberto de terça a domingo, rua João Garcia no bairro Valadão em Macau tel 3521 2070 e 9613 3899
organização Ailton e Familia.


Coronel Dancleiton Pereira Leite é o novo comandante da PM do RN

O Governo confirmou o nome do novo comandante-geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte. O coronel Dancleiton Pereira Leite assume o posto. A informação foi confirmada pela assessoria do governo. O anúncio oficial do nome do novo comandante-geral deve ser feito ainda na manhã desta sexta-feira (22).
Na noite desta quinta-feira (21), Robinson Faria se reuniu com a cúpula da segurança pública e anunciou a saída do coronel Ângelo Mário de Azevedo Dantas do comando geral da PM.
“Apesar da boa vontade e da honestidade, a Polícia Militar não se adequou na velocidade que a população e o governador esperavam no combate à violência”, justificou Robinson, realçando que mais mudanças podem ser determinadas a partir de resultados.


“Daqui para a frente, serei bem rigoroso no cumprimento de metas. E quem não cumprir as metas será afastado de seu cargo. Se não tiver eficiência, eu terei que mudar e mudarei até acertar”, apontou o líder do Executivo, assinalado que a Segurança Pública é uma prioridade para a sua gestão.  “Eu tenho obrigação como governador do Estado de tentar romper com essa onda de violência. Hoje o povo já não se conforma de ouvir do governador ou da secretária que os números estão melhores que o de anos passados. O que vale é a percepção de segurança”.
G1/RN

Nenhum comentário

Publicidade